Kika Zanella | Poeticasvisuais

Kika Zanella

Porto Alegre/RS

Imaginar e Fazer

O que é ser ceramista: Significa, entre muitos outros fatores, lidar cotidianamente com alguns universos simultaneamente. Um deles é a criação artística propriamente dita, no sentido de ter ideias imaginativas para tentar fugir da mesmice própria ou alheia por meio de soluções visuais, numa tarefa que demanda dedicação constante.

Outro é o da parte técnica, pois a cerâmica apresenta uma quantidade de variáveis absurdamente impressionantes, que vão desde a qualidade da argila às maneiras de modelagem e esmaltação, incluindo tipos de forno, diferentes temperaturas de queima e tempos distintos de cada processo, o que inclui estudos e pesquisas infinitas.

A série intitulada “Who is Floating on the Water?”, de Kika Zanella, de Porto Alegre, RS, mostra justamente como todas as etapas de um processo que vai da concepção à finalização do trabalho, é essencial. As peças esmaltadas, e com queima a 1250°C em forno elétrico, trazem, por exemplo, efeitos que evocam ondas, espumas e texturas do mundo das águas.

A presença de pequenos seres, como barquinhos de papel e animais, dá a cada cerâmica um valor adicional. Eles introduzem o mistério do diálogo entre diversos elementos que giram em torno da pergunta lançada pelo título. O conjunto ganha força visual justamente pela maneira como a artista integra a imponderável magia do imaginar com a habilidade técnica do fazer.

Oscar D´Ambrosio

  • Facebook Clean